sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Duas luas na noite sem lua

Provavelmente começou em espanhol, mas nunca se sabe. Pode ter sido em inglês ou português. A internet é ótima para propagar boatos de todo o tipo. Boatos científicos entre els. Boatos científicos que invocam misticismo então são melhores ainda.
O curioso é que as pessoas não param para pensar 1 segundo antes de passar adiante as mensagens por mais que pareçam, absurdas!

Nos últimos três dias recebi variaçõe da mesma mensagem, em espanhol, português e inglês.

Em espanhol ela diz:

EL 27 DE AGOSTO DE 2009
El planetario Internacional en Vancouver de la British Columbia Canada, ha calculado la precisión en la que Marte estará orbitando el (27-08-2009).
Pero lo más interesante de todo es que esto estaba predicto en un códice Maya encontrado en la pirámide a lado del Observatorio Estelar en Palenque en Chiapas México.
Con este cálculo matemático Maya ahora los Mayas son considerados como los Griegos de América y orgullo de México.
Por lo menos cuatro o cinco generaciones de la humanidad no volveremos a ver este fenomeno natural.
Muy poca gente lo sabe por el momento, esto fue publicado el lunes 11 de mayo 2009.

Hazlo circular!

Dos Lunas en el Cielo
El 27 de Agosto, a medianoche y 30 minutos, mirar al cielo.
El planeta Marte será la estrella más brillante en el cielo. Será tan grande como la luna llena, Marte estará a 55,75 millones de kilómetros de la tierra
No te lo pierdas Será como si la tierra tuviera dos lunas.
La próxima vez que este acontecimiento se producirá, está previsto para el año 2287

Compartir esta información. Nadie que esté vivo podrá volverlo a ver.

Em inglês:

Dear Friends,
*Two moons on 27 August 2007*
*27th Aug the Whole World is waiting for.........Two moons ....*

Planet Mars will be the brightest in the night sky starting August.

It will look as large as the full moon to the naked eye.
This will cultivate on Aug. 27 when Mars comes within 34.65M miles of
earth.
Be sure to watch the sky on Aug. 27 12:30 am.
It will look like the earth has 2 moons.


Share this with your friends as NO ONE ALIVE TODAY will ever see it
again.
Regards,"

Em português é parecido com espanhol:

O Planetario Internacional de Vancouver, da British Columbia - Canadá, calculou a precisão em que Marte estará orbitando perto da terra. Será no dia 27 de agosto de 2009.
Todavia, o mais interessante de tudo é que isto estava previsto em um código Maya, encontrado na piramide ao lado do Observatorio Estrelar em Palenque, Chiapas-México.
Com este cálculo matemático Maya, agora os Mayas estão sendo vistos como os gregos da America, e orgulho da Guatemala.
Pelo menos, quatro ou cinco gerações da humanidade não voltará a ver este fenomeno natural, e poucas pessoas sabem até o momento, embora tenha sido noticiado em 11 de maio de 2009.

Duas Luas no Ceu
No dia 27 de Agosto, a meia noite e meia


O planeta Marte será a estrela mais brilhante do ceu, e será tao grande quanto a lua cheia, e estará a 55,75 milhões de kilometros da terra.
Não perca!!

Falemos da versão em português. Ela provavelmente foi gerada em algum site de tradução. Usa palavras pouco usadas (todavia), palavras que não existem no sentido proposto (Estrelar), palavras com grafia errada em português (Maya) estruturas erradas (quatro ou cinco gerações da humanidade não voltará). Pode ter sido simplesmente um tradutor humano pouco versado na língua mátria, nunca se sabe.

A primeira coisa que fiz foi verificar a existência do tal "Planetario Internacional de Vancouver". Ele não existe. O mais próximo que cheguei foi o H. R. MacMillan Space Centre, em Vancouver, que até tem uma nota sobre a fraude da internet. Apesar de a versão em inglês (reproduzida parcialmente pelo centro) não mencionar nada em Vancouver como as versões latinas, eles esclarecem que essa informação não partiu deles nem vai ser possível ver duas luas nessa data simplesmente porque a nossa lua não estará acima do horizonte na data e hora mencionadas.

Encontrei pelo menos quatro lugares que analisam com mais profundidade o assunto, três blogs (aqui, aqui e aqui) e uma revista.

Do ponto de vista da Cultura Científica, o mais interessante é a menção ao maias, "os gregos da América". Orgulho do México em espanhol e da Guatemala em português. Eu tratei disso em um texto anterior. Um grupo new age americano com uma horda de seguidores no Brasil inventou um "calendário maia". No entanto, eles mesmos avisam que "Cabe ressaltar, no entanto, que este não é o calendário maia. Nem tampouco constitui-se numa tentativa de reviver a cultura maia." Ou seja, a menção à cultura maia é apenas um subterfúgio para trazer credibilidade ao delírio das tempestades magnéticas vermelhas, ou do ano-semente auto-existente amarelo. Como fenômeno cultural, isso não é muito diferente do que se fez em relação à acupuntura, que para ganhar credibilidade foi classificada como "milenar" e parte da "cultura tradicional chinesa" apesar de as evidências para isso serem .

A cultura maia é fascinante e há ainda muito para aprender sobre ela. Mas algumas coisas já sabemos. Uma delas é que em Palenque há ruínas muito impórtantes, mas nenhum observatório estelar (nem "estrelar"). Assim como não existe o "Planetário Internacional de Vancouver". Os seguidores da falsa cultura maia pelo menos podiam aprender um pouco de geografia, já que em ciência são meio fraquinhos...

3 comentários:

liliasilvestre disse...

Também passei a mensagem adiante sem pensar... mas depois fui pesquisar e encontrei o seu blog. Obrigada.
Lilia

Samuel disse...

Desde 2003 este boato se espalha e se recria. Veja
o que escrevi em 2007

Lucas Rafael Chianello disse...

E o bobão aqui tinha caído no conto do astronomo, ops, do vigário.

Creative Commons License
Os direitos de reprodução de Cultura Científica são regulados por uma Licença Creative Commons.